LEIA TAMBÉM

13 de junho de 2016

Abril foi o mês menos chuvoso durante quadra invernosa no Cariri Leste

2016 está entre os anos mais secos registrados no Ceará (Foto: Reprodução)
As chuvas no Ceará no período da quadra chuvosa (fevereiro a maio) de 2016 ficaram 45,2% abaixo da média, de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Este ano, com precipitação média observada de 329,3 mm, assim como os anos de 2012 e 2013, está entre os 10 anos mais secos registrados no Ceará desde 1951. O Ceará enfrenta quadras chuvosas abaixo da média histórica pelo quinto ano consecutivo de estiagem.

De acordo com a Funceme, fevereiro foi o mês mais crítico, com -55,3% de queda de chuvas no Estado, seguido de abril (-47,8%), maio (-46,6%) e março (-36,2%).

No Cariri Leste, particularmente, o mês de abril foi o mês menos chuvoso com um total de 226,50 mm em suas nove cidades (Abaiara, Aurora, Barro, Brejo Santo, Jati, Mauriti, Milagres, Penaforte e Porteiras), seguido de maio (433,6 mm). Enquanto isso, março foi extremamente chuvoso no Cariri Leste acumulando 1.701 mm (245 mm somente em Milagres). Jati foi o município com menor índice pluviométrico durante a quadra chuvosa com apenas 176 mm entre fevereiro e maio.

O quadro observado reflete o primeiro prognóstico, divulgado em janeiro de 2016 pela Funceme, que apontou maior probabilidade de que a precipitação acumulada no período de fevereiro a abril estaria na categoria abaixo da normal.

Tecnologia do Blogger.