LEIA TAMBÉM

17 de agosto de 2017

Familiares denunciam falta de manutenção dos veículos do transporte escolar em Barro

Familiares de alunos que utilizam transportes da secretaria de Educação de Barro denunciam a falta de manutenção dos veículos e a preocupação com a vida de quem utiliza do serviço para conseguir chegar às escolas localizadas na zona rural de Barro. Ausência do cinto de segurança. pneus sem condições de trafegabilidade, portas e vidros quebrados, além da falta de estofamento na maioria dos bancos, expondo molas e material pontiagudo, são alguns dos problemas apontados.

Os ônibus, a maioria cedidos pelo Governo Federal, através do Programa Caminho da Escola, encontram-se em verdadeiro estado de abandono, afirmam os pais dos alunos. Vários deles, inclusive, ameaçam a retirada dos filhos da escola, por medo de que um acidente possa acontecer devido a falta de segurança apresentada pelos veículos.

Alunos das regiões de Saco, Souta, Pilões e Riachão, matriculados em escolas da sede do município, como Mauro Sampaio e Escola Profissionalizante José Osmar Plácido da Silva, por exemplo, temem que medidas mais drásticas sejam adotadas pelos familiares gerando, desta forma, prejuízos em seus desenvolvimentos escolares.

Até mesmo motoristas contratados pela prefeitura se dizem amedrontados por conta da falta de manutenção e reparos nos veículos. "Eu nem me lembro quando é que o ônibus que eu dirijo foi para uma revisão. Os pneus estão todos carecas. Tem um que até os ferros já aparecem. A gente pede melhoria mais eles [a secretaria] não dão nem resposta", afirma preocupado um motorista que pediu para não ser identificado.

Com informações do blog Por Dentro do Assunto (Roberto Crispim)

Tecnologia do Blogger.