LEIA TAMBÉM

14 de abril de 2015

Jornalista diz que base do prefeito Hellosman vai trabalhar para aprovar contas

Para derrubar parecer do TCM base do prefeito vai precisar de dois votos da oposição (Foto: Divulgação)
O ambiente político de Milagres a partir da divulgação do parecer prévio desfavorável do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Ceará (TCM) para as contas de governo do exercício de 2012, de responsabilidade do prefeito Hellosman Sampaio, é destaque na coluna 'Chapada' desta semana que é assinada pelo jornalista Madson Vagner e publicada pelo Jornal do Cariri que circula em toda região.

Além de citar que, pelo relatório prévio do conselheiro Ernesto Saboia, o prefeito excedeu os gastos com pessoal o que se constitui falha grava e incorre em desobediência à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o jornalista afirma que o parecer definitivo deve sair em breve e que a discussão na Câmara de Vereadores deve ser a principal pauta da reunião que excepcionalmente vai ocorrer na quinta-feira.

"A base do prefeito diz que vai trabalhar para a provação das contas, mesmo que seja preciso derrubar o parecer do TCM. Eles precisarão de 2/3 dos votos da Casa", lembra o jornalista. 2/3 em relação a atual composição da Câmara de Milagres significa oito votos. Atualmente a situação conta com apenas seis. Ou seja, para derrubar o parecer prévio precisaria de dois votos de vereadores da oposição.

Madson Vagner finaliza afirmando que "na prefeitura fala-se em sanar o problema para reverte o parecer".

Saiba como acessar o blog em seu celular.
Curta nossa página no Facebook.
Siga o Blog do Ribamar Xavier no Twitter.

Tecnologia do Blogger.